Santiago e o Prazer da Leitura

Ai, que prazer, ter um livro para ler… E lê-lo de pé, enquanto se espera pela abertura da livraria Casa del Libro. Santiago lê nada mais nada menos que “O Prazer da Leitura” de Marcel Proust. Escrito para o prefácio de Sésamo e Lírios de John Ruskin, este texto apresenta os pontos de vista de Proust sobre o lugar que os livros devem ocupar na actividade criativa e o seu papel limitado, mas insubstituível, na vida.

“Na leitura, a amizade é subitamente reduzida à sua primeira pureza.”

“Não há talvez dias da nossa infância que tenhamos tão intensamente vivido como aqueles que julgámos passar sem tê-los vivido, aqueles que passámos com um livro preferido.” Proust

11716019_10152941185251931_1786865497_nLocal da fotografia: Passeig de Gràcia, Barcelona. Por Edite Amorim, a quem agradecemos a recordação.

Read More

Leave a Reply

*