O Bon-odori em Tokushima

13.00 

de Wenceslau de Moraes
Editora: Livros de Bordo

Descrição

Bon-odori, mística cerimónia congratulatória, reflexo de um Japão que desde tempos imemoriais honra os seus antepassados. O escritor Wenceslau de Moraes, habitante de Tokushima desde o ano 1913, percorre a cidade, o campo, as aldeias em redor e os seus cemitérios, para um encontro com o passado e a história da cultura ancestral nipónica. Bon-odori é um vocábulo do budismo, mas adaptado para uma cerimónia onde se encontram os três princípios guia da cultura japonesa – o budismo, o xintoísmo e o culto dos antepassados. O Japão tradicional do início do século XX descrito pelas palavras daquele que foi o português que mais viveu e escreveu sobre este país.

Informação adicional

Peso 0.200 kg

Avaliações

Não existem opiniões ainda.

Seja o primeiro a avaliar “O Bon-odori em Tokushima”

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.