Manoel de Barros e a Poesia Cínica. O Círculo dos Três Movimentos com Vista ao Homem-Árvore

14.00 

de Patrícia Lino
Editora: Relicário
Edição: Julho 2019

Descrição

O círculo dos três movimentos com vista ao homem-árvore é uma proposta de interpretação para a poesia de manoel de barros. Divide-se em quatro partes: o primeiro movimento, que diz respeito à morte e à aceitação da ordem natural em estreito diálogo com o simbolismo da terra; o segundo movimento, que relaciona-se com a origem das primeiras comunidades humanas; o terceiro movimento, que trabalha a possibilidade de a poesia de manoel ser interpretada como uma manifestação moderna da corrente filosófica grega antiga do kinismo e a conclusão do círculo, o homem-árvore, a metamorfose do humano em natureza, visto que “passarinhos já construíam casas na palha/ do seu chapéu/ (…) e os cachorros usavam fazer de poste as suas/ pernas”.

Avaliações

Ainda não existem avaliações.

Seja o primeiro a avaliar “Manoel de Barros e a Poesia Cínica. O Círculo dos Três Movimentos com Vista ao Homem-Árvore”

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.